6 razões que podem impedir que seu site gere mais negócios para sua empresa

foto-de-perfil2017.png

Escrito por: Alexandre Spada

Insira seu endereço de e-mail para receber as atualizações e novos artigos do Blog gratuitamente.

Você sabia que 95% dos websites atualmente disponíveis na internet transformam em média apenas 2% de seus visitantes em clientes?

Caso não esteja satisfeito com os resultados que a sua página traz ao seu negócio, provavelmente sua empresa está inserida nesta triste estatística.

Infelizmente muitos empreendedores desenvolvem suas páginas sem dar atenção a fatores primordiais para que elas tragam resultados satisfatórios e passam a acreditar que a internet não é uma boa ferramenta de marketing e vendas. Isso não é verdade!

A web é o canal de comunicação mais barato e eficiente para empresas de todos os portes. Através dela é possível expor produtos e serviços a nível mundial, estabelecer diálogos mais próximos, estreitar o relacionamento com potenciais  clientes, direcionar publicidade a pessoas que realmente estão interessadas no que o negócio tem a oferecer e ainda, mensurar com clareza o retorno gerado em cada ação.

Porém, é preciso entender que possuir um website não quer dizer que as pessoas o encontrarão com facilidade. Somente para que ele seja bem posicionado e apareça nas pesquisas em mecanismos de busca como o Google, são considerados mais de 200 fatores.

Além disso, receber visitas não é sinônimo de vendas. Caso o visitante não simpatize com o que vê, não seja convencido ou até mesmo não se sinta seguro em fazer negócios com a empresa, certamente ele buscará o que procura em outro website.

Embora pareça uma atividade relativamente simples, existe muito trabalho especializado por trás do desenvolvimento de websites profissionais.

Para que você avalie se a sua página atende aos requisitos mínimos necessários para trazer resultados ao seu negócio, separamos abaixo alguns pontos que devem ser contemplados obrigatoriamente em projetos de páginas para web.

Caso seu website não esteja proporcionando o retorno esperado, o motivo pode ser algum dos problemas abaixo:

1. Lentidão de acesso

Estudos comprovaram que internautas em geral costumam abandonar uma página caso ela não carregue entre 3 e 5 segundos.

Muitos fatores podem acarretar essa lentidão, como qualidade ruim do servidor de hospedagem, erros de programação, imagens não otimizadas para web, etc.

A lentidão de carregamento de uma página, além de desestimular o acesso ao seu conteúdo, conta também como fator negativo para mecanismos de busca como Google. Quanto mais lento, pior posicionado nas pesquisas.

2. Layout que não se ajusta a dispositivos móveis

Um website profissional precisa oferecer uma boa experiência aos seus visitantes, e para isso não deve limitar ou prejudicar a visualização do seu conteúdo caso o usuário tente acessá-lo de dispositivos como tablets, smartphones ou até mesmo, computadores com telas menores.

Websites profissionais por padrão devem ser responsivos, ou seja, devem se ajustar automaticamente ao tamanho da tela do dispositivo que o está acessando.

A responsividade também é um fator positivo considerado por mecanismos de busca para posicionar bem uma página em pesquisas.

3.Usabilidade ruim

Você provavelmente já deve ter visitado algum site e sentiu dificuldade em encontrar o que estava procurando ou realizar alguma tarefa, como uma compra por exemplo.

Saiba que segundo pesquisa realizada pela Dynatrace, 88% dos usuários que enfrentam experiências ruins de navegação não retornam a um website.

Websites profissionais devem antecipar e prever as necessidades de seus usuários, tornando sua navegação intuitiva e simples.

4. Arquitetura da informação inadequada ao público-alvo

Ao criar o conteúdo de um website como textos, imagens, vídeos e chamadas para ação (CTAs), nunca se pode perder de vista 3 pontos:

  • Quem é o seu público alvo?
  • Quem é a sua persona?
  • Que ação você deseja que ela tome em sua página?

Para desenvolver uma boa arquitetura da informação você precisa entender a fundo as pessoas que pretende atingir. 

Conhecer quais são os termos mais utilizados por elas, suas preferências, quais cores mais a agradam, como agem, o que pensam, etc. 

De posse dessas informações é mais simples criar elementos de design que supram suas expectativas e ofereçam uma experiência realmente adequada, e que seja capaz de guiar o usuário por sua jornada de compra.

Quando alguém se veste como nós, usa o mesmo vocabulário, entende os nossos desejos e tem as mesmas preferências, a identificação costuma ser imediata. E não há nada mais poderoso que isso para gerar confiança, que é a base para realizar negócios.

5. Falta de otimização para mecanismos de busca (SEO)

Para que uma página seja bem posicionada nos resultados de pesquisa em mecanismos de busca como Google, Bing e Yahoo muitos fatores são levados em consideração.

Tais mecanismos tem como objetivo oferecer a seus usuários conteúdo de qualidade, ou seja, páginas relevantes que entreguem aquilo que está sendo buscado. Para isso, analisam em cada website mais de 200 fatores para classifica-lo como bom ou ruim.

Obviamente os com menor pontuação estão fadados a não aparecerem nos resultados de pesquisa, o que certamente é um grande prejuízo a qualquer negócio.

Se quiser saber mais a respeito, veja também o artigo: Como usar SEO para se posicionar bem em mecanismos de busca.

6. Ausência de publicidade digital (mídia paga)

As otimizações para melhorar o posicionamento de um website em mecanismos de busca (SEO) levam tempo até que surtam efeito. São ações de médio e longo prazo.

Até que elas possam começar a trazer visitantes à sua página é interessante investir em compra de mídia, ou seja, em campanhas publicitárias em redes sociais e mecanismos de busca. Dessa forma, você pode comprar visitas qualificadas e com isso gerar receita de forma rápida.

Conclusão

Como pode perceber, possuir um website e trabalhar com ele de forma profissional não é uma tarefa das mais simples, exige dedicação e conhecimento especializado para que realmente traga os resultados que se espera.

Não subestime o poder da internet! Talvez a falta de resultados esteja na estratégia digital utilizada ou na forma como um website foi desenvolvido.

Até o próximo artigo!

Sobre <strong>o autor</strong>

Sobre o autor

Alexandre Spada é empresário na área de tecnologia, formado em Ciência da Computação, Especialista em Engenharia Web e Gestão Estratégica de Negócios. Atualmente, Alexandre cursa Mestrado em Design, Inovação e Tecnologia.

Saiba mais

O que você achou do artigo?

Compartilhe conosco suas impressões, experiências e dúvidas sobre o assunto.

logo-2-2016-min.png

A SFORWEB é uma agência especializada em Marketing Digital focada em oferecer soluções sob medida para pequenas e médias empresas. Conheça alguns dos nossos serviços:

👉 Automação de Marketing
👉 Consultoria em Marketing Digital
👉 Inbound Marketing
👉 Inside Sales
👉 SEO – Search Engine Optimization
👉 Links Patrocinados
👉 Web Design & Growth Driven Design

newsletter-sforweb-edit-

Receba as atualizações do Blog

Insira seu endereço de e-mail abaixo para receber gratuitamente as atualizações e novos artigos do Blog.

arrow-news2—

Copyright © 2018 · SFORWEB Agência Digital © Todos os direitos reservados

Rua Nova Prata, 121 – Vl. Maria | São Paulo – SP